A liv Farma

.

05 Abril de 2017 às 15:17, Por leonardo
A doença neurológica que provoca tremores no corpo e afeta a mobilidade atinge aproximadamente 10 milhões de pessoas em todo o mundo. Segundo dados de agências e entidades de apoio, uma em cada 500 pessoas sofre ou vai desenvolver sintomas do mal de Parkinson em sua existência.A canela tem sido usada em grande escala como especiaria há muitos séculos. Esta poderia ser uma das abordagens mais seguras para impedir a progressão do mal de Parkinson em pacientes. Dois tipos de canela são usados com mais frequência nos Estados Unidos. O primeiro é a canela chinesa (cinnamon cassia) e o outro é a canela do Sião (cinnamonum verrum). Ambos são metabolizados pelo fígado para se transformar em benzoato de sódio, uma droga usada para tratar deficiências no metabolismo hepático.
Cadastre-se e receba nossas novidades!