Greenselect

 

Extrato purificado de Catequinas enriquecido em galato de epigalocatequina e descafeinado, obtido com tecnologia Phytosome®, para prevenção e tratamento da obesidade e suas comorbidades.

Alto teor de catequinas com dupla padronização: 60% de catequinas e 40% de galato de epigalocatequina (GEGC)

Alta biodisponibilidade de catequinas

Ação termogênica e sobre a redução de peso corporal

Ausência de cafeína

Como vantagens da utilização de GREENSELECT PHYTOSOME®, além do aumento da biodisponibilidade e consequentemente da eficácia terapêutica dos fitoativos incorporados, há a possibilidade de redução das doses convencionais de fitoativos, de agregar o valor nutricional e a atividade hepatoprotetora da fosfatidilcolina e ainda de utilizar um produto descafeinado e desprovido das ações estimulatórias centrais e periféricas da cafeína, o que é importante para indivíduos mais sensíveis à substância e portadores de doenças cardiovasculares.

A TECNOLOGIA PHYTOSSOME®

PHYTOSOME® é uma tecnologia patenteada e desenvolvida para incorporar, em fosfolipídeos (como a fosfatidilcolina), os extratos vegetais enriquecidos em fitoativos polares, de baixa solubilidade em lipídeos e que possuem biodisponibilidade limitada

em formulações e produtos convencionais. Com a utilização de PHYTOSOME®, ocorre uma otimização de parâmetros farmacocinéticos, como o aumento da absorção e da biodisponibilidade de fitoativos, quando administrados por via oral e consequentemente, de parâmetros farmacodinâmicos, com uma ação terapêutica mais efetiva.

A fosfatidilcolina é um composto bifuncional com propriedade emulsificante, pela presença das porções lipofílica (fosfatidil) e hidrofílica (colina) na molécula e que auxilia diretamente no aumento da biodisponibilidade de fitoativos hidrossolúveis, como as catequinas. No processo de obtenção, a porção hidrofílica ligada aos fitoativos é coberta pela porção lipofílica, formando uma estrutura específica (abaixo) que protege os fitoativos da degradação pelas secreções digestivas e bactérias intestinais, além de facilitar a absorção pelas membranas dos enterócitos (AMIN, T., BHAT, S.V. 2012 e BHATTACHARYA

Cadastre-se e receba nossas novidades!